Decoração Global

Decoração global


Obras de arte são lindas e valorizam o ambiente, imagine se você as encontrasse por um preço atraente, ainda pudesse escolher entre artistas nacionais e internacionais de diversos países, e entre várias técnicas e estilos. Selecionamos alguns artistas em exposição na MundiArt, no estilo da “Mixed Media” ou “Mídia Mista”, obra de arte visual que combina várias artes visuais tradicionalmente distintas.




“Scorpio, de Lya Alves
Na obra de arte criada pela artista plástica Lya Alves, de Niterói, a mixed media é composta de pintura figurativa em tons quentes, texturas, stencil ,colagem,e a temáticas simbolista expressa numa metáfora visual. A artista já realizou exposições em Portugal e na Itália e sua obra é conhecida por tornar as paredes o foco de atenção da casa, para pessoas de personalidade forte. Ideal para locais com muita iluminação,onde a luz é abundante. O equilíbrio fica por conta do tamanho da obra, que é tamanho 50x50cm: sendo um médio formato, não pesa.
“Grace”, de Carolyn Quan.
Fotografia em câmera 35mm e digitalização de imagens faz parte do trabalho de Carolyn Quan, do Hawaí. Para encantar, fascinar e relaxar, a mixed media atinge sua função, a obra aponta para a qualidade de vida, contemplando de forma ímpar o indivíduo e seus anseios, dando ares de que é possível materializar sonhos e personalizar o próprio universo.
A curva “P”, de Paolo Vitale.
Fotografias pedem base de PVC, acrílico ou alumínio e proteção de vidro. Assim, elas duram mais. Em todos os casos, lembre-se de que o enquadre não deve competir com o trabalho do artista. Em “A curva P”, de Paolo Vitale,da Itália, a fotografia digitalizada está numa base de PVC acrílica.
Tentação, de Paloma Valcárcel.
Uma escultura que é uma pintura ou uma pintura que é uma escultura? Tentação: Experimente cores cítricas, como o laranja, verde-limão, vermelho cereja e amarelo banana. Castanho chocolate, rosa e verde-claro também estão aparecendo em peças decorativas em todos os lugares. Não tenha medo das cores: alegre sua casa e saia do bege.

Tristan Rain, da França.
Aproveitando o ano da França no Brasil, a obra de Tristan Rain (França), fotografia e arte digital, reflete a fragmentação do nosso tempo, agilidade e também confere um ar jovial a qualquer ambiente. A cor azul, por ser uma cor que promove o relaxamento,é indicada para quartos.

“Las tentaciones de Lixa”, de Alfredo Linch
A obra de Alfredo Linch, México, inicia com um cálculo matemático, que passa a fotografia, digitalização, pintura acrílica e por fim, termo impressão. O laranja, tom quente, transmite uma sensação dinâmica, enérgica, indicado para escritórios, pela sua associação ao materialismo.






“Digital Discs”, de Veronika Korzekwa.
Elegância e sofisticação na arte de Veronika Korzekva, Polônia. O misterioso preto, associado ao branco e preto, marca inconfundível daqueles que buscam sofisticação e elegância. Para Lya Alves, curadora da MundiArt, as pessoas precisam desmistificar a idéia de que toda obra de arte é cara:”Temos preços bons na MundiArt porque não há mediadores ou marchands. As pessoas podem comprar direto do artista. Temos uma infinidade de técnicas e suportes, e mais de 100 obras na exposição”.

MUNDIART - Mostra Internacional de Arte Contemporânea



15 a 30 de agosto de 2009



Vernissage: 15 de agosto de 2009.



Galeria do Instituto Cultural Brasil Estados Unidos



rua Dr. Francisco Portela, 2772, São Gonçalo – RJ – Brasil
Informações: 21 2609-8275
Site: http://www.mundiart.intercambioculturalarts.com/index.html






2 comentários:

Spaudo @_@ disse...

:)

Vincent disse...

Très bien et original !!!
Voir photrom.fr et romtop.blogspot.com et vincent-psykart.blogspot.com
Laisser un commentaire

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou sua opinião, é com você que esse espaço cresce!

Blogs que amamos.

A Patotinha do site